sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Na Vitrola: Robert Johnson, o cara!!!

Eu amo blues.. acho tão livre, sexy e com uma certa "safadeza", hehehe.

Obviamente, um dos meus guitarristas preferidos é o rei Robert Johnson. Entrei no clima da Sexta-feira, escutei algumas musicas dele e bateu aquela vontade de compartilhar essa grandeza toda com vocês.

Alguns com certeza já ouviram falar dele e da lenda que gira em torno do seu nome. Dizem que ele vendeu a sua alma ao Diabo em uma encruzilhada no Mississippi e em troca tornou-se um grande guitarrista. A lenda diz que ele foi até o local com um violão, entregou o instrumento ao Diabo, que o afinou e devolveu para Johnson.
Ele era mulherengo, maluquete (tocava de costas para o público) e, infelizmente, morreu aos 27 anos. Gravou apenas algumas músicas, mas as poucas gravações já foram suficientes para fazer dele um dos maiores guitarristas de todos os tempos.


O fato é que ele é genial e merece ser ouvido!!!





Friday Moodboard

Jeans, tênis, pouca maquiagem, cabelos naturais e amigos!


quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Instagram: Inspiração do dia!

Eu conheci hoje o Instagram da blogueira Jane, do FitFabFunMom, por acaso e amei as fotos dela. Dei follow na hora!! Seus looks são super bonitos e "reais". Vale a pena seguir.

Olha só a foto que me motivou a dar aquela fuçadinha exxxperta.
Amo clutch de onça em looks básicos e achei que esse blazer marrom funcionou muito melhor do que um blazer preto. A sandália é um caso de amor à parte...achei linda de morrer! Os acessórios minimalistas completam o estilo.
Quero sair assim já!!!


segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Aceitei o desafio sem make... mas tenho muita coisa a dizer sobre isso!

#semmake #semfiltro, duas hashtags usadas exaustivamente durante a semana passada acompanhadas de uma selfie feminina sem maquiagem e sem filtro. 
O Desafio sem Make é, na realidade, uma campanha mundial chamada Stop the Beauty Madness, criada pela escritora Robin Rice. Surgiu para nos fazer pensar a respeito da relação que temos com a própria beleza e até que ponto somos escravas da maquiagem e dos muitos outros tratamentos estéticos, como a escova progressiva.

Eu sou uma vítima.. Amo maquiagem e passo corretivo todo o santo dia, mesmo quando estou em casa. Não gosto das minhas olheiras e muito menos das manchas de melasma no rosto, que surgem toda vez que fico exposta ao sol. Sabe aqueles dias lindos na praia? Então, eles sempre vem acompanhados de duas manchas na bochecha. 

Faz alguns meses que eu comecei a diminuir a quantidade de maquiagem no dia a dia. Passei a aceitar que as olheiras existem e tenho que conviver com elas e as tais manchinhas estão no meu rosto porque vivi dias ensolarados e lindos! Mas confesso que as pessoas ao meu redor não convivem bem com isso. Meus familiares e amigos sempre (eu digo SEMPRE) fazem algum comentário negativo quando estou sem maquiagem ou quando uso apenas corretivo e máscara de cílios. Frases como "que cara de cansada", "você precisa de uma dermatologista", "você fica bem melhor de maquiagem" são algumas das muitas outras que eu escuto quando coloco minha cara "real" no mundo. 

Então acho que esse desafio, além de uma simples brincadeira de internet, deveria servir para fazer as pessoas pensarem melhor e mais profundamente a respeito de como vemos a própria beleza e também como enxergamos a beleza nas outras pessoas. 
Vamos elogiar mais, falar coisas boas ao invés de apontar um defeito que obviamente aquela pessoa já sabe que possui. Criticas são sempre bem vindas, mas existem várias formas de fazer isso.

Pra mim é realmente um desafio postar foto sem make, então resolvi fazer uma comparação. Tirei uma foto sem nada de maquiagem, uma chegando do trabalho no dia que estava de corretivo e máscara de cílios e a última com base, corretivo, blush e tudo o que tenho direito.

Óbvio que fiquei melhor na terceira foto. Alguém fica pior com maquiagem? Nunca vi!
Mas na comparação das duas primeiras fotos achei que o corretivo serviu mais como efeito placebo do que outra coisa... não mudou tanto assim, serviu apenas para me dar confiança. 

No final das contas acho que todo o arsenal e os truques de beleza que conhemos devem ser usados para nos dar confiança e não para nos aprisionar... Saber dosar isso tudo que é a grande sacada!




sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Na Vitrola: Daniel Drummond e a música instrumental mais linda do mundo

Amanhã é aniversário de uma pessoa especial. Uma das mais especiais da minha vida. Um homem de coração imenso, com brilho nos olhos e sorriso sincero.... ááá.. é músico também, hehehe.

Não é apenas um músico, é um dos melhores guitarristas que eu (na minha santa humildade musical) já vi. Possui tudo o que um bom artista precisa: técnica, virtuosismo, paixão, carisma e muito, mas muuuito trabalho duro. Acorda e dorme pensando em música, seja produzindo, criando, ensaiando ou fazendo shows. 

Não vou me alongar e falar muito dele (nem consigo, é demais para o meu coração), mas posso dizer que ele conseguiu uma coisa genial: fazer eu amar música boa. Aprendi com ele a apreciar musica instrumental e festivais de Jazz.. e só por isso ele já vai para o céu, kkk

Para o NA VITROLA special edition de hoje, escolhi uma das minhas músicas preferidas. Está no primeiro CD dele, FACES. 

O nome já diz tudo: Ibitipoca. Para quem não sabe, Ibitipoca é um Parque Estadual que fica na Zona da Mata, pertinho de Juiz de Fora- MG. A Ponte da Pedra, a Janela do Céu e o Pico do Peão são apenas alguns dos lugares maravilhosos que existem por lá, que ainda abriga cachoeiras, grutas e piscinas naturais. A energia fascina e é impossível não voltar com um sorriso no rosto e outro no coração.

A música causa esse mesmo efeito. É maravilhosa, relaxante, fascinante e com uma vibe toda especial. Impossível não sorrir depois de ouvir. 

Dani, desejo que a trilha sonora da sua vida seja sempre alegre, cheia de esperança e paz, exatamente como essa música inesquecível que vc criou! Vc é uma das melhores pessoas que eu já conheci. Parabéns!









Hoje fui assim: uma semana de looks

Segundona. Sempre bate aquela vontade de continuar na cama quando toca o despertador. Nesses dias não tem coisa melhor do que usar o bom e velho moletom.... se for um souvenir da sua viagem querida então, melhor ainda!
Eu não estava com vontade de usar acessórios por pura preguiça de tirar depois (um absurdo, eu sei), então coloquei uma camisa de polka dots e a sapatilha mais musa que eu tenho para deixar o look fofo e menos desleixado, mas mantendo o conforto que a segunda-feira pedia. 





Na terça eu acordei com vontade de usar saia, mas sem ficar romântica e feminina demais. Para conseguir este "efeito", coloquei uma camiseta dos Beatles (que ganhei do Brother. Tiamu, smack!!) e um colete preto velho de guerra que eu ADORO!! 





Quarta. A vontade de colocar apenas uma calça jeans e uma camisa era maior que eu. Sai de casa achando que eu era a pessoa mais básica do mundo e quando eu chego no trabalho me deparo com os coleguinhas dizendo que eu estava meio executiva.. kkkk. A vida toda trabalhei em ambientes formais e achei engraçado esse comentário, pois se eu fosse trabalhar assim antigamente acho que meus chefes me mandavam voltar para casa e trocar de roupa, afinal, onde já se viu ir de jeans rasgado no meio da semana? Aliás, isso não era permitido nem na casual friday, kkkk. 
Estou adorando poder usar quase tudo o que me dá vontade... meio como se todos os dias fossem casuais.. é tããããão mais legal!







Quinta-feira é um dia que eu gosto muito. Sempre fico animada porque sei que no dia seguinte vai ser sexta-feira. Acordei no clima! Queria alguma coisa divertida e confortável. Pensei logo na minha jaqueta jeans surrada. Estava um ventinho chato, mas não estava exatamente frio, então coloquei uma saia de tweed que comprei na H&M durante a última viagem. Ela tem o tecido mais encorpado e fica super quentinha.
Para não ficar sem graça coloquei logo esse colarzão (eu mesma fiz com restos de colares que não usava muito) inspirado em um modelo que a Gala Gonzalez usou. Eu amei e copiei messssmo, kkk.







Enfim chegou a sexta-feira..êêêê!!!! 
A preguiça e o atraso foram peça chave para compor o look de hoje, kkk.
Eu estava atrasada e sem idéias. A única coisa que eu tinha certeza era que estava com sono, não queria sair de calça jeans e iria usar o meu brinco de tassel (que não usava desde o último dia de verão). Olhei o sol pela fresta da janela e pensei que era hora de botar ele para jogo novamente.
Para agilizar tudo, o jeito for ir de preto. Total black com pulseiras para alegrar. 

Ah, detalhe: cortei a foto porque a minha cara estava branca, transparente, parecendo O Iluminado. O sol da manhã me atrapalhou um pouco, kkk.  Tô perdoada?









terça-feira, 2 de setembro de 2014

Inspiração Boho para a Festa Cigana!

Eu adoro o estilo Boho/ Cigano. Gosto das cores, da mistura de estampas étnicas e acho lindo colocar várias pulseiras e colares ao mesmo tempo.
Uma característica muito marcante neste tipo de vestimenta é o tecido fluido, usado nas saias longas e nas batas. 

Essa semana vai acontecer a 4ª Festa Cigana do Casal Coimbra (meus primos) e será uma ótima oportunidade para usar aquela peça boho que acaba ficando no fundo do armário.
Festas como essa são uma excelente oportunidade para ousar um pouco e testar looks que você talvez não tivesse coragem de usar no dia a dia, além de poder ver de perto como os ciganos se vestem. 

O evento vai contar com a presença de vários expositores, shows ao vivo, danças típicas e leitura de cartas e de mãos (adoooooro).

Para quem curtir, vale a pena!




Selecionei algumas referências deste estilo. Colar de correntes, trança, quimono com franjas, anel de pedras, jaqueta bordada, lenço na cabeça, chapéu, saia longa... tudo vale para entrar no clima. Inspiração pura!!!








segunda-feira, 1 de setembro de 2014

#styling: Rosie Huntington-Whiteley em 4 versões do básico jeans + camiseta!

Gosto de look assim: descomplicado, com estilo e confortável. A maioria das minhas referências de street style segue essa linha. Dificilmente um look super montado, estilo Anna Dello Russo, faz os meus olhos brilharem. Gosto das pessoas que conseguem imprimir a sua personalidade em looks normais, desses que a gente usa para ir na padaria (ok, talvez não na padaria), sabe?
Sempre digo que vestir-se bem usando Chanel dos pés à cabeça é mole. Difícil é ficar gata e estilosa com jeans e camiseta branca... e é exatamente ai que está a graça do negócio!








Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Mais vistos!